A FEDERAÇÃO DISTRITAL DE PORTALEGRE DO PARTIDO SOCIALISTA ACUSA O GOVERNO PSD/CDS-PP


A Federação Distrital de Portalegre do PS acusa o Governo PSD/CDS-PP de “atacar, mais uma vez, os serviços públicos e a população do Alto Alentejo"

Em causa está o eventual encerramento do laboratório de saúde pública de Portalegre. 
Para os socialistas do Alto Alentejo trata-se de “uma medida cega”, de um Governo que “não olha a meios nem às consequências das suas decisões”. 
Em declarações à Rádio Portalegre, o presidente da Federação Distrital de Portalegre do PS, Luís Testa, disse que o encerramento daquela unidade é “um ataque claro à saúde da população” que deixa de contar com os serviços de uma entidade oficial, de referência e credível, que assegura a qualidade da água para consumo humano, assim como das piscinas e das zonas balneares.

Segundo Luís Testa, com o fecho do laboratório, deixa de ser dado um apoio ao estudo de infeções alimentares e bacteriológicas, como o caso da legionella, ou o acompanhamento de surtos, como o da tuberculose.

Para o líder dos socialistas no distrito de Portalegre, não há dúvidas que esta é, mais uma vez, “a demonstração de como este governo não está preocupado com o Alto Alentejo”. 
O socialista referiu ainda que a gravidade desta medida não se esgota nas questões diretamente relacionadas com a saúde, referindo que são também colocados em causa os postos de trabalho dos técnicos que, diariamente, garantem estes serviços importantes para a comunidade.

Gabriel Nunes, Rádio Portalegre

Sem comentários: